2016-02-01

A Rapariga no Comboio, Paula Hawkins

SINOPSE
Todos os dias, Rachel apanha o comboio... No caminho para o trabalho, ela observa sempre as mesmas casas durante a sua viagem. Numa das casas ela observa sempre o mesmo casal, ao qual ela atribui nomes e vidas imaginárias. Aos olhos de Rachel, o casal tem uma vida perfeita, quase igual à que ela perdeu recentemente.
Até que um dia...
Rachel assiste a algo errado com o casal... É uma imagem rápida, mas suficiente para a deixar perturbada.
Não querendo guardar segredo do que viu, Rachel fala com a polícia. A partir daqui, ela torna-se parte integrante de uma sucessão vertiginosa de acontecimentos, afectando as vidas de todos os envolvidos.


Acabei de ler a 2016-01-27 mas como tinha combinado falar sobre o livro hoje resolvi só fazer a resenha hoje.
Aqui não deixo grandes spoilers.

OPINIÃO
Gostei embora o início seja confuso.
Percebo que a confusão é para ajudar ao "mistério" mas torna-se cansativo.

Acho que vai dar um bom filme, pois será mais fácil de seguir.

A Rapariga no Comboio imagina a vida das pessoas que vê enquanto passa de comboio.
(Eu ando de comboio mas o meu é demasiado rápido para dar azo a esses pensamentos.
Dá para ver a vista e apreciar o sol.
No interior por vezes penso que este ou aquele costumam apanhar o transporte à mesma hora que eu mas é tudo muito calmo e desinteressante.)

Rachel, Megan e Anna as perspectivas de cada uma sobre a história são difíceis de seguir e acaba por ser um pouco maçudo.
Não me identifico com qualquer uma delas, não ganhei qualquer empatia e a que me acabou por surpreender acaba por ser a Anna no final.

Linguagem actual, moderna "fodia".

GOSTEI destas frases
"Só não sei se me veem mesmo, no entanto, tal como eu sou".
"A VIDA NÃO É UM PONTO PARÁGRAFO".
" A vida não é um ponto parágrafo, e a morte não é um parêntesis".

13 comentários:

  1. Eu adorei este livro! Achei que era dada muita informação ao início, mas fez parte!

    THE PINK ELEPHANT SHOE | FACEBOOK | INSTAGRAM

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim também me senti cansada no início e confusa

      Eliminar
  2. não conhecia este livro, mas fiquei curiosa! parece ser super interessante :D

    www.pinkie-love-forever.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. A minha irmã anda a ler esse livro e está a adorar!!
    Beijinhos

    Blog Denise de Assis
    GIVEAWAY aqui

    ResponderEliminar
  4. Está na minha lista de livros a ler...

    ResponderEliminar
  5. confesso que apesar do zum zum NÃO GOSTEI do livro, e que é capaz de ser muito melhor em filme. Tal como tu, não me identifiquei com nenhuma das personagens, o modo como está escrito não o permite sequer.

    Ainda esta semana deixo a opinião.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que ninguém que eu conheço se identificou com nenhuma das personagens :)

      Eliminar
  6. Estive para comprar este livro mas depois de ler várias reviews optei por não o fazer. Muitas pessoas ficaram desiludidas e talvez a expectativa em torno do livro não tenha ajudado.

    Love,
    Fashion She Wrote

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na minha opinião não é um livro para ter mas na biblioteca ler ;)

      Eliminar
  7. A minha filha mais velha "quase" me obrigou a ler o best-seller A Rapariga no Comboio, livro sensação de 2015 em todo o mundo, embora seja um bom romance policial tem um final muito fraco, na minha opinião, previsível e banal do tipo "o jardineiro é o assassino".

    Düsseldorf, HELAU!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. hehehe isso é porque és perspicaz :)

      Eliminar